12/06/2007

Quando não apetece escrever nada...vão-se buscar coisas ao baú da memória...


PORTO DE ABRIGO




Não pode ser normal este desejo imenso
Não acredito que mais alguém possa sentir assim
De certeza que ultrapassa os limites do bom senso
tudo aquilo que sinto
quando estás perto de mim...




É uma necessidade que, de tão intensa, faz doer...
É uma luz negra que cega e nada mais que tu, eu vejo...
É um sonho vivo e doído...
São desvarios de prazer...
É perder-me num só toque e encontrar-me num só beijo...




E é uma fúria tão doce, selvagem e alucinada...
Uma verdade tão forte que rasga e que é tão urgente...
É uma embriaguez suave, leve solta e perfumada...
Um frémito quente e meigo...
Uma loucura pura e quente...





O meu corpo vegeta quando não estás comigo...



Sem ti, sou uma ave perdida...
sou um barco à deriva no mar...

E tu...Tu és o meu ninho...
És o meu porto de abrigo...



És o carinho e o aconchego
onde sei que quero ficar...




MCB 96 /07

20 Comments:

Blogger oArtista said...

Li...e recuei uns meses...para o abraço de alguém que me fez sentir assim, exactamente assim...e que de repente transformou esse porto de abrigo num mar tempestuoso, de vagas revoltas...onde me senti afundar...e de onde, ainda hoje me tento salvar...
Apesar da profunda tristeza que me invade...gosto das tuas palavras e daquilo que transmitem.
Que possas sempre ancorar nesse porto de abrigo e adormecer aconchegada nesse ninho...
Um beijo, com uma lágrima a acompanhar

quinta dez 06, 10:58:00 da tarde 2007  
Blogger Tugafixe said...

Olá!
Não acreditas que mais ninguém se possa sentir assim?
Eu não tinha tanta certeza disso.

Até á próxima!

quinta dez 06, 11:02:00 da tarde 2007  
Blogger Pecadormeconfesso said...

Tu também sabes o que é amar?

domingo dez 09, 01:36:00 da manhã 2007  
Anonymous Anónimo said...

boa noite
Se o devaneio não impulsiona
O ânimo não conjectura
A essência não tamborilava
Os dedos, ansiosos de anseios
Rascunharam as curvas,
Os meneios, no teclado
Noitadas interiores

Galfarro de vínculos...
Nas mortalhas virtuais
Estremecer o não encarado
Dos suspiros oferecidos
Percebidos ao distante
Imensidade a dentro.

Desejando um feitio de
Se subjugar
Dar se
Reinventando a gira.....
Beijos, aspiração
Desejo sem termo
Alimentar-se do imaginável
Aniquilar inteiro as impaciências
Convimos nossos sentidos.
Kim prisu.

terça dez 11, 10:43:00 da tarde 2007  
Blogger MIMO-TE said...

E que coisas lindas tens no teu baú! :)) Lindo, Lindo!!!


Miminhos para ti

quarta dez 12, 10:01:00 da manhã 2007  
Blogger Rafeiro Perfumado said...

Eu quando não me apetece escrever... olha, não escrevo.

quinta dez 13, 07:00:00 da tarde 2007  
Blogger gata said...

Olá Morgana Dark...
por alguma razão(obscura?) gosto de te trocar o nome.
Sabes? Pode n�o te apetecer escrever, mas ler-te seja em que tempo for é um daqueles momentos....

Beijo de gata. Passa lá pelo telhado...tenho saudades....

sexta dez 14, 08:50:00 da tarde 2007  
Blogger Apache said...

Que rosas tão belas guardavas no regaço!

Serão memórias de um sentir muito além das emoções…
Ou sonhos de um passado, que sobrevem ao fim dos tempos?...

sábado dez 15, 04:35:00 da manhã 2007  
Blogger Cleopatra said...

Serão memórias de um sentir muito além das sensações fisicas...muito envolto em sentimentos...muito verdadeiro...Porque amar é isso tudo.
O amor é assim mesmo.Não é sereno...é...um querer e não querer...
O Amor é eterno.. é como uma marca a ferro e fogo.
è como uma cicatriz que nunca se esbate.
O Amor é ...desassossego e para sempre.

domingo dez 16, 09:44:00 da tarde 2007  
Blogger Cleopatra said...

AH
Voltei só para dizer: FINALMENTE CONSEGUI ENTRAR NO TEU BAÙ
Eu tenho uma caixinha
Agora tu com um baú pareces os piratas das caráíbas... Onde tinhas metido a chave que eu não consegui comentar há bué???

domingo dez 16, 09:46:00 da tarde 2007  
Blogger Cleopatra said...

(Re) voltei para avisar que baÚ tem o acneto supra ao contrário... eh eh eh
Não venha de lá o Apache corrigir!

domingo dez 16, 09:47:00 da tarde 2007  
Blogger MIMO-TE said...

Vim deixar-te mimos meus! ;)

segunda dez 17, 08:03:00 da tarde 2007  
Blogger Cleopatra said...

não é o anacleto, digo , o acneto, é o acento!
Bolas!
Raio do Alzheimer. Este alemão dáme cabo da cabeça!

quarta dez 19, 02:25:00 da manhã 2007  
Blogger Cleopatra said...

Dá-me!!
Dá-me!!!!
Vou dormir.

quarta dez 19, 02:26:00 da manhã 2007  
Blogger Cleopatra said...

Bem, só falta cá o gato fedorento!
sabes? aquele da boca torcida.. Pois, esse mesmo!

quarta dez 19, 02:27:00 da manhã 2007  
Blogger Apache said...

Mas Vossa Excelência anda por aqui a fazer comentários à dúzia? Será alguma promoção? E depois atira-me para o barulho… Como se eu tivesse culpa de V. Exa. ter um teclado alemão, fabricado por um gajo de boca torcida...

quarta dez 19, 02:58:00 da manhã 2007  
Blogger Pecadormeconfesso said...

Espero que tenhas tido um bom Natal se isso é importante para ti.

terça dez 25, 11:18:00 da tarde 2007  
Blogger Pecadormeconfesso said...

Ai Cleo, essa do teclado da boca torcida, ou é do alemão fedorento. Ai Cleo, já não me ria assim desde o Natal passado. Só uma Imperatriz para baralhar o teclado. Olhe se fossem ieroglifos.

terça dez 25, 11:20:00 da tarde 2007  
Blogger GTL said...

passei para desejar que tenham passado um Feliz natal e desejar um excelente 2008 ;o)

TG

quarta dez 26, 06:18:00 da tarde 2007  
Blogger Cleopatra said...

Comentários à dúzia?
Hieroglifos?
Alzheimer?
Alemão babado?
Teclado torcido?
Então mas eu venho aqui para ser ofendida?
Então mas eu venho corrigir os meus erros e levo na cabeça?
Ai o pecador e o ghrande chefe estão unidos contra uma Imperatriz?
Não fora o Marco (António ) e o César terem morrido e eu dizia-vos como era!
BJs

ejxtqv

quinta dez 27, 01:13:00 da manhã 2007  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home